MAS QUEM DISSE QUE A ROTINA LIVRA O FIM DE SEMANA?
BLOG DE UMA VIDA SOCIAL, DIGAMOS, NÃO MUITO AGITADA...

terça-feira, 27 de maio de 2008

A vida sem freio me leva, me arrasta...


Do nada, tudo acontece, de modo ainda que nada muda. O círculo vicioso das surpresas que pairam sobre o destino acabam deixando tudo como está. Detalhes percebidos que deveriam fazer diferença manifestam a inércia das mãos atadas de uma vida que teima em seguir seguramente. O acaso brinca, e esfrega na minha cara o quanto eu ainda sou impotente. Sabe quando as certezas escorrem pelas mãos como areia fina? Quando a sua capacidade é testada e o resultado não corresponde a realidade. E eu só espero. Como quem sabe o que quer, mas que na verdade ainda procura por quais caminhos seguir. Só tenho as diretrizes, pois os planos são tão imediatos quanto icógnitos. Talvez ninguém entenda. Talvez eu não queira ser compreendida. Minhas ambições são tão grandes quanto simples. E só preciso ter certeza de quais são e de como alcançá-las...

Uma palavra, um sorriso, uma sensação, um pensamento, um pedido... tudo acontece, mas nada muda ao mesmo tempo que me transforma... Já não conheço sua dimensão das coisas, apenas vou deixando que a força da vida me leve... Piso no freio do controle, mas parece não haver nenhum. E a minha pretensa mania de segurança já não me protege de colidir com a vida...

So... let's go living a little for a while... But not a little life!

7 comentários:

Camila Hardt disse...

Oi Séfora! Antes de tudo, obrigada pela visitinha! Se você quiser colocar nos favoritos, eu agradeço mesmo! Ainda mais o blog sendo novo, rola uma divulgação pra mim! Aliás, também gostei do seu, vou colocar nas "águas menos turbulentas".

Andei lendo lá embaixo sobre o post do professor implicante e sou super solidária. Aliás, mulher que nunca teve barco furado e professor babaca na vida nem pode ser chamada de mulher, rs... Mas a gente supera. Beijos!

Mia disse...

Bicha, isso é só o começo...


=*

Anna Ingrid disse...

começou agora... depois piora.
mesmo.

Anna Ingrid disse...

logo agora q me acostumei com o negocio rosa...

Don Puzzo Forzeone disse...

É apenas um começo ...

Don Puzzo Forzeone disse...

É apenas um começo ...

Pedro Favaro disse...

Temos essa pretensão de achar que realmente mandamos em determinadas situações, que elas estão sob controle para acelerar ou freiar.
Engano. Não existe esses controles.